Arena do Grêmio pode ser vendida? Entenda

GRÊMIO


trocida na Arena Grêmio
Imagem: Lucas Uebel/ GFBPA

Interessada na Arena do Grêmio, empresa negocia com o Banco do Brasil a compra de outros estádios

A Revee, sob a liderança de Luis Davantel, ex-diretor financeiro da WTorre, está movimentando o mercado ao negociar com o Banco do Brasil a compra da dívida da WTorre, relacionada ao Allianz Parque, estádio do Palmeiras. Para esse fim, a empresa trouxe a bordo a Reag Investimentos, liderada por João Carlos Mansur.

A estratégia é adquirir a dívida, executá-la e assumir a administração do Allianz Parque, mas as ambições da gestora vão além. Além das tratativas com o Banco do Brasil, a Revee está em avançadas negociações com a OAS para adquirir três outras arenas nos mesmos moldes: a Arena do Grêmio, a Arena Fonte Nova (BA) e a Arena das Dunas (RN). Essas movimentações sinalizam um novo capítulo no cenário esportivo e na gestão de estádios no Brasil.

Leia mais:

Du Queiroz revela bastidores chocantes da sua vida: “vi o crime de verdade”

Grêmio afirma que já pode assumir a gestão da Arena, diz jornalista

Próximo compromisso do Grêmio na Arena

Enquanto isso, nesta terça-feira (26), a Arena do Tricolor Gaúcho se prepara para um momento crucial: o jogo decisivo do confronto de volta da semifinal do Campeonato Gaúcho contra o Caxias, às 21h. O estádio se prepara para receber 34 mil torcedores na partida e será palco do duelo entre dois dos quatro melhores times do estadual para definir um dos finalistas do estadual.

Os olhares estão voltados para Porto Alegre, onde a torcida gremista se prepara para lotar as arquibancadas e incentivar o time rumo à vitória. A Arena do Grêmio promete ser o epicentro das atenções com o time gremista em busca do heptacampeonato.

 

Imagem destaque: Lucas Uebel/



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *