Fim de uma era: o legado de Jürgen Klopp no Liverpool

ÚLTIMAS NOTÍCIAS


A era Klopp no Liverpool está chegando ao fim. Após nove temporadas à frente dos Reds, o técnico alemão anunciou que vai tirar um ano sabático no futebol para se dedicar à família e não comandará outra equipe por algum tempo. Além dos títulos, o técncio deixará um legado marcado na história do gigante inglês.

Em relação aos títulos, foram oito em oito temporadas completas, podendo conquistar ainda a Premier League e a Europa League na temporada 2023-24. Além disso, o técnico implementou na equipe uma filosofia de jogo e forma de jogar pra cima e que agrada aos torcedores.

A sinergia entre técnico e torcida foi tanta ao longo dos anos que os dois, por vezes, parecem um só. A comemoração do dia 14 de março de 2024, na goleada sobre o Sparta Praga,, pela Europa League,, explicita bem este fato.

2015/16 – O ano em que tudo começou

Foto: <b><a  src=
Foto: Liverpool FC

Klopp chegou ao Liverpool com uma promessa: ganhar títulos nos primeiros quatro anos à frente da equipe. E conseguiu não só qualquer título, como a Uefa Champions League, na temporada 2018/19, justamente no seu quarto ano à frente do clube.

Na primeira conferência de imprensa, Klopp afirmou que o Liverpool “não é um clube normal, mas um clube especial”. E, por muito tempo, fez dos Reds sua casa, de modo que deixará uma marca na história do clube como um dos técnicos mais vencedores do time.

2019 a 2024 – A era dos títulos

Depois das primeiras quatro temporadas, os títulos apareceram. E, se nos primeiros três anos, as taças não vieram… Desde 2019, elas foram empilhadas uma a uma. Na Champions League, além da taça em 2018/19, teve campanhas de destaque com os vice-campeonatos em 2017/18 e 2021/22.

Ainda em 2019, ergueu a Supercopa da Uefa e o Mundial de Clubes. E na temporada seguinte à Champions League, veio a Premier League, torneio que bateu um recorde histórico e alcançou 99 pontos em 38 rodadas, sofrendo apenas três derrotas. A campanha foi semelhante à temporada anterior, em 2018/19, quando ficou com o vice-campeonato atrás do Manchester City por apenas um ponto. Naquele ano, os citizens fizeram 88 pontos, enquanto os Reds 87. Já em 2021/22, outro vice-campeonato. Na atual temporada, tem a chance de erguer o título novamente.

Foto: Liverpool FC
Foto: Liverpool FC

A Copa da Liga Inglesa veio em 2021-22 e 2023-24. A Copa da Inglaterra foi vencida em 2021-22 e a Supercopa da Inglaterra em 2022. Agora, resta para Klopp apenas um título para desbloquear à frente do Liverpool: a Europa League, que pode vir na temporada 2023-24.

O legado de contratações

Foto: Liverpool
Foto: Liverpool

Além do legado de taças e da filosofia de jogo, Klopp deixa o Liverpool com um histórico de grandes jogadores e ídolos, trazidos por ele, aos Reds.

Em 2016, Firmino, Mané e Matip chegaram ao Liverpoool. No ano seguinte, foi a vez de Robertson, Oxlade-Chamberlain, Van Dijk e Mohamed Salah. Já em 2018, Alisson, Fabinho e Naby Keitá foram contratados. Em 2019, Wijnaldum chegou aos Reds. Todos foram importantes na conquista dos maiores títulos do gigante da Inglaterra e se tornaram ídolos hitóricos do clube.

Do elenco atual, praticamente todos foram escolhidos a dedo por Jürgen Klopp. Ao todo, foram 32 jogadores contatados e um total de gastos maiores do que 1 bilhão de euros ao longo dos anos (cerca de R$ 5,3 bilhões na cotação atual).

Se após todos os anos no Liverpool, Klopp pudesse deixar um recado ao torcedor que sintetizasse sua passagem, acredito que seria algo próximo do que Getúlio Vargas escreveu em sua carta-testamento.

“Serenamente dou o primeiro passo no caminho da eternidade e saio [do Liverpool] para entrar na história.”





Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *