Marchesín acirra disputa no Grêmio com recado a Renato Gaúcho

ÚLTIMAS NOTÍCIAS


Libertadores

Goleiro argentino marcou presença entre os titulares na derrota na estreia da Libertadores

© Maxi Franzoi/AGIFGoleiro argentino retornou aos onze iniciais do Imortal.

Vacilo no primeiro duelo 

A caminhada na Libertadores não começou do jeito que o Grêmio queria. Atuando na altitude de La Paz, o time Tricolor acabou superado pelo The Strongest por 2 a 0 no primeiro compromisso da fase de grupos do torneio continental.

Contudo, apesar do resultado negativo longe de casa, o confronto marcou o retorno de Marchesín a meta do time portoalegrense. O goleiro não entrava em campo desde o Gre-Nal do Gauchão, em 25 de fevereiro, e voltou no time alternativo que encarou o compromisso na Bolívia.

O camisa 1 sofreu uma lesão muscular no adutor da coxa esquerda e teve o problema detectado pelo DM no último dia de fevereiro. Desde então, o goleiro sequer havia sido relacionado para um duelo, mesmo participando das atividades há mais de três semanas.

Troca de postos na meta do Imortal

Com a ausência do argentino, Caíque acabou emendando uma sequência entre os titulares na meta do Imortal. Sem Marchesín, o atleta foi acionado em cinco das seis partidas. Já Gabriel Grando teve somente uma oportunidade. Agora que está de volta, o argentino quer mais do que nunca recuperar o seu posto na equipe e mandou o papo para Renato Gaúcho que está perto de uma marca na competição.

Estou dando o melhor de mim, quero jogar, estar no time. Respeito a decisão do treinador, o grande grupo de trabalho que temos. Trato de dar o melhor, apoiar a equipe que joga e obviamente que você fica triste quando vem esse resultado, porque viemos dar nosso melhor sempre. Temos que seguir trabalhando”, afirmou após a derrota para o Strongest.

Leia mais: Torcida do Grêmio critica Gustavo Martins depois de péssima apresentação na Libertadores

Titular em oito jogos na temporada, o argentino teve bons números no início, sofrendo apenas dois gols em cinco partidas. Porém, nas últimas três, levou sete gols, incluindo as derrotas no Gre-Nal e para o Strongest.

Sequência no trabalho de olho no Gauchão

Apesar das críticas que alguns jogadores vem recebendo, a delegação do Tricolor desembarcou no início da manhã desta quarta (3), e já tem atividade marcada para esta tarde no CT Luiz Carvalho, faltando apenas três dias para o duelo decisivo no Gauchão que acontecerá no próximo sábado (6), às 16h, no duelo de volta da final contra o Juventude na Arena, após o  empate sem gols na ida.

Reação dos torcedores ao desempenho de Marchesín:



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *